Ford Modelo T

 

Podemos dizer, seguramente, que o Ford Modelo T, o 20º projeto de Henry Ford, foi o carro mais importante da indústria automotiva mundial. Não porque era o mais bonito, mas por ter sido o primeiro automóvel a ser produzido em linha de montagem no planeta,  sistema introduzido em 1913 por Ford.

Quando o protótipo desse carro foi finalizado, Henry Ford ficou tão entusiasmado que não se sentiu seguro para dirigir o modelo. Assim, o sócio George Holley foi escolhido para levar o empresário, ao volante do “tin lizzie”, até o centro de Detroit, em Michigan, nos Estados Unidos. Ambos surpreenderam a população com as soluções empregadas no novo veículo, antecipando assim o sucesso que estava por vir. Assim que voltaram para a fábrica, Ford,  satisfeito com a reação das pessoas, distribuiu pontapés nos fundilhos e fortíssimos tapas nas costas de qualquer funcionário que lhe cruzasse o caminho. Era o começo de um império que perdura até os dias de hoje.

Ford Modelo T Speedster 1913 (escala 1:18)

 

 “Se você usar um cavalo por 16 mil quilômetros, dia e noite, vai precisar de um cavalo novo, mas se você dirigir um Modelo T, só vai ter de trocar os pneus”. Esta frase, creditada a Henry Ford, faz parte do mito que cerca o famoso veículo, que possuía 1001 utilidades – era carro de passeio, trator, removedor de gelo, caminhão, rebocador, guincho, carro funerário, carro de brigada de incêndio, dentre outros.

O grande mérito de Henry Ford, o bilionário que revolucionou a indústria automotiva no mundo, foi fazer do Modelo T um carro universal, ao alcance de todas as camadas sociais americanas. E, apesar de não ser tão simples para dirigir, o T era facílimo de ser consertado, o que facilitou a vida de qualquer cidadão na época.

 

FORD MODELO T – DADOS TÉCNICOS

MOTOR - longitudinal, 4 cilindros em linha; comando no bloco, 2 válvulas por cilindro. Diâmetro e curso: 95 x 101,5 mm. Cilindrada: 2.896 cm3. Taxa de compressão: ND. Potência máxima: 20,2 cv a 1.600 rpm. Torque máximo: 11,4 m.kgf a 900 rpm. Carburador de corpo simples.

CÂMBIO – manual: 2 marchas; tração traseira.

FREIOS - cintas no câmbio.

SUSPENSÃO - dianteira e traseira, eixo rígido.

RODAS - 30 pol; pneus dianteiros, 3 x 30 pol; traseiros, 3,5 x 30 pol.

DIMENSÕES – comprimento: 3,40 m; entreeixos: 2,54 m; peso: 540 kg.

DESEMPENHO - velocidade máxima: 72 km/h.

 

No início de sua produção, mais precisamente de 1908 a 1914, o Modelo T contava com uma gama variada de cores, porém durante os testes descobriram que a cor preta secava mais rapidamente e também era mais barata, que qualquer outra pigmentação, surgiu assim a celebre frase de Henry Ford "O cliente pode escolher a cor que quiser, desde que seja preta".

O preço do Modelo T foi outro fator que contribuiu para seu grande sucesso e longevidade. O veículo começou a ser vendido por US$ 890, enquanto os carros concorrentes custavam entre US$ 2 mil e US$ 3 mil. E em seu último ano de produção (1927) era entregue por apenas US$ 260 (cerca de US$ 3,4 mil, em valores atuais).

 

As diversas carrocerias do Ford Modelo T (no total eram 14 para todos os gostos)

Ford Modelo T 1920 em três versões: Touring, Fire Truck e Pickup Van

Ford Modelo T Fire Truck 1914 e 1920

Ford Modelo T 1921 - carro funerário (ornate carved hearse)

 
Ford Modelo T 1927 (o de número 15 milhões) - mini de papel
 

O esqueleto do Ford T

A estrutura do Modelo T era toda construída em madeira, somente suas chapas externas e o chassis eram fabricados em aço. Apresentava freios a tambor e acionados por varão apenas no eixo traseiro, pois os engenheiros da época acreditavam que freios dianteiros poderiam capotar o veículo, que atingia velocidade máxima de 55 km/h.

O Ford T podia ser adquirido com vários tipos de carrocerias desde uma pick up, passando por furgões e sedans ou cupês, conversíveis ou com capota rígida.

No painel estavam dispostos um amperímetro e um hodômetro, pois o termômetro do líquido de arrefecimento ficava na tampa do radiador. Sua direção era considerada leve para os padrões da época. Seu tanque de combustível estava localizado debaixo do banco dianteiro, o que obrigava sua remoção para o abastecimento.

 

Réplica (resina) do Ford Modelo T 1908 (ano em que começou a ser construído, ainda sem linha de produção)

Ford Modelo T Sedan 1909 (escala 1:64)

Miniatura do Ford Modelo T 1911 (escala 1:6); observe o detalhe do volante do lado direito, sinal de que este modelo foi fabricado na fábrica de Manchester, Inglaterra, país  onde foi construída a primeira fábrica da Ford fora dos Estados Unidos (em 1911) 

                                                                                                                       

O câmbio do Ford T, que possuía três marchas - duas à frente e uma ré - utilizava engrenagens epicicloidais, utilizadas atualmente em transmissões automáticas, que eram muito mais duráveis e silenciosas, seu acionamento era feito com o auxílio de pedais, mas a alavanca do freio de estacionamento deveria estar na posição correta, caso contrário as marchas não passavam.

O Modelo T foi desenvolvido para ser um veículo confiável e de fácil condução, prova disso é a grande quantidade de veículos desse tipo que ainda permanecem em funcionamento nas mãos de saudosistas e colecionadores.
 

Fonte: Wikipedia 

 

Ford Modelo T Jardineira 1923 (fibra de vidro)

Muitas cidades brasileiras e americanas utilizaram este veículo como ônibus

Olhando para esta foto, percebe-se, realmente, a versatilidade do Modelo T

Ford Modelo T 1912, da Polícia de Nova York, EUA

Ford Modelo T Touring 1914 

Coletânea de algumas réplicas do Ford Modelo T da coleção

Ford Modelo T 1920 (picape)

Ford Modelo T 1915 Delivery (escala 1:43)

Ford Modelo T 1915 dentro de uma lata de óleo de motor em resina

Ford Modelo T Racer 1909 (vencedor da Corrida Transcontinental, nos EUA)

Ford Modelo T 1926 (réplica do carro usado pelo Marechal Rondon, nos anos 20, em sua viagem pelo interior do País)

Ford Modelo T Runabout 1912

A maior peça da coleção - Ford Modelo T Runabout 1914 (porta-licor), com 45cm

Ford Modelo T 1921 (carro funerário)

Ford Modelo T 1914 (carro de bombeiros)

Ford Modelo TT 1923 (caminhão)

Ford Modelo T 1912 Delivery

Ford Modelo T Bucket 1925

Ford Modelo T 1927 (adaptado para hot rod)

Ford Modelo T 1925 (picape)

Ford Modelo TT 1925 (guincho)

Detalhe do "bigode" - duas alavancas localizadas no volante do Ford Modelo T

 

 

Contato

MINIFORD - A Ford em miniatura Belo Horizonte, MG
Brasil
(31) 98641-6600

Twitter: www.twitter.com/ovalazul

fordminiatura@gmail.com